Combata a retenção de líquidos!

Padrão

Retencao-de-liquidos-3

Retenção de líquidos é o nome popular que descreve o inchaço no corpo ou em parte dele. As pernas inchadas no final do dia, com marcas de pressão das meias ou dos sapatos, são um exemplo de edema – termo médico que se refere ao inchaço. A causa do edema em diversas áreas do corpo está ligada, dentre outras razões, à ingestão excessiva de sal. Mas O problema pode aparecer por variações de pressão sanguínea, quantidade de proteínas no sangue, ação da força da gravidade, reação às altas temperaturas, problemas vasculares e circulatórios, doenças na tireoide, reações inflamatórias, ingestão de remédios como anti-hipertensivos, alterações renais, cardíacas ou hepáticas. A retenção de líquidos atinge boa parte das mulheres principalmente nos períodos pré-menstrual e menstrual, devido a alterações metabólicas e hormonais que favorecem uma maior retenção de líquidos. O ideal é ficar de olho no que se coloca no prato: alimentos embutidos, defumados, enlatados, sopas de saquinhos, molhos de soja, aperitivos, queijos amarelos e frituras devem ser evitados, por ser ricos em sódio. O sal não seria considerado tão nocivo ao corpo humano se consumido dentro da dose recomendada pela Organização Mundial de Saúde (OMS) que fica em torno de 6g por dia, ou seja, uma colher de chá. Porém, o brasileiro costuma consumir diariamente 13g de sal, ou seja, 216% a mais. Por mais que haja uma substituição do sal normal para o sal light, é necessário ficar atento ao rótulo, pois como há diminuição de sódio, há um aumento de potássio, fazendo com que o gosto não fique lá essas coisas, pois o potássio não salga tanto quanto o sal, o que acaba fazendo com que as pessoas utilizem mais o sal. Deve haver bastante atenção no rótulo também para identificar possíveis substâncias neurotóxicas, como o glutamato monossódico, fuja de todos os produtos que contém ele na composição. Há muitos alimentos que ajudam a aliviar a retenção de líquidos. Podemos citar como alimentos diuréticos o salsão, cenoura, coentro, berinjela, alho, alho poro, limão, noz-moscada, cebola, salsa, hortelã, abacaxi, melancia e maracujá. Além disso, esses alimentos são em sua maioria de natureza alcalina, o que vai facilitar e muito a liberação de toxinas do organismo facilitando tanto o processo de retenção de líquidos quanto de emagrecimento. Além de uma dieta balanceada, a prática de exercícios físicos regulares e a ingestão de 2,5 litros de água por dia é fundamental para poder obter melhores resultados.

retencao-de-liquidos-4retencao-de-liquidos-retencao-de-liquidos-2

Por: Graciella Tenório (Nutricionista)

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s